Fetaema Promove Encontro com Entidades para Discutir o Aumento dos Conflitos Agrários e Socioambientais no Maranhão

O Maranhão encontra-se em um momento bastante difícil decorrente do alarmante crescimento de conflitos socioambientais, que resultam em ameaças de morte, diversos confrontos e assassinatos. Neste cenário, hoje (28/03), a FETAEMA promoveu um diálogo sobre os problemas decorrentes, estamos em busca de soluções e pautas propositivas para a diminuição destes conflitos que tanto afetam os nossos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Agricultura Familiar Camponesa, Povos Indígenas, Comunidades Tradicionais Quilombolas, Extrativistas, Atingid@s por Barragens, povos dos campos, das águas, das florestas e urban@s.

Participaram da reunião a Articulação das Mulheres Indígenas do Maranhão (AMIMA), a CONAQ com a representação da articulação dos quilombolas, o movimento dos povos atingidos por barragens (MAB), assim como o MST, a FETAEMA, NERA (UFMA), CMTR-MA, Pastoral da Mulher, ISPN, TIJUPÁ/RAMA/ANA, ASSEMA, SMDH, FÓRUM CARAJÁS, AGÊNCIA TAMBOR, UEMA (Depart. de Ciências Sociais), Secretaria Agrária do PT-MA.

Precisamos propor mudanças estratégias dentro das plataformas de governo a nível nacional e estadual, para que nossos próximos representantes estejam cientes dos problemas e somem forças em prol da justiça social para todas e todos que vivem e trabalham dentro deste contexto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.